© APTA Centro-Sul.

FOLLOW US:

  • w-facebook
  • w-twitter

Neste projeto utilizamos marcadores moleculares (microssatélites nucleares e de cloroplasto, AFLP e Rad-seq) para obter informações sobre a diversidade e estruturação genética, fluxo gênico pela dispersão de pólen e sementes, taxas de cruzamento e locos não neutros nas espécies estudadas.
Outro objetivo é formar recursos humanos capazes de executar projetos multidisciplinares, visto que nossas pesquisas agrupam vários importantes estágios, desde a coleta e conceitos ecológicos até a genotipagem e inferência de estimativas populacionais visando a conservação destas espécies.

Nossos trabalhos de campo são desenvolvidos em quatro áreas de remanescentes florestais de Mata Atlântica e duas áreas de restauração florestal.

 

Biologia da Conservação de Espécies Nativas da Mata Atlântica com potencial fitoterápico

Uma abordagem genética sobre restaurações florestais

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now